domingo, 26 de dezembro de 2010

Carta a alguém que te decepcionou -

oooi estranho,
Bom, na verdade, não tão estranho assim já que sou a unica pessoa no mundo que deva conhecer você realmente. Talvez aquelas pessoas que não gostam de você devam saber uma parte do que você é, mas não completamente, não como eu conheço.
Vou começar falando dos teus defeitos que são os que mais me atingem diretamente. Você é vaidoso e é egoísta, à um tal ponto que chega a se considerar a única pessoa certa no meio de tantas erradas. Você as julga assim. Aliás julgar é uma das atividades que você mais pratica, não?  "Aquela não presta, aquela é escandalosa, não gostei do padrão daquela..." Putiz, será que todo mundo realmente necessita seguir um padrão pra atingir um aspecto positivo pra você ou elas podem ser felizes na suas diferenças? Esse superficialismo que você impõe nas pessoas que nem mesmo tu segues chega a ser um desconforto, sabendo quem você é. Do que lhe adianta a boa imagem se te falta caráter? Não seria errado montar um mundo perfeito segundo os quesitos que você não segue? Talvez o paraíso esteja muito distante de você pra você perceber que ele é formado por vários defeitos e esse mundo gira enquanto você se prende em um casulo de demonstrações fictícias. Não quero fazer parte desse mundo teu, decidi não seguir teus padrões pra poder merecer um mínimo de aprovação enquanto o seu comodismo o faz sentar para apontar o que não está no seu parâmetro de rigor.
Você é exagerado, é cômodo, perfeccionista, superficialista, ignorante e irritante.
Não é decepção, já passou a ser muita repugnância novamente e eu não acredito que tais irão mudar já que a cada momento me impressiono com o que você me pronuncia e a forma com que se faz mostrar a mim. E a forma como você não aceita a verdade me deixa de mãos atadas em meio a todo esse caos que você se nega a enxergar em você. E mesmo que eu não me faça presa e ainda sim digo sem receio algum , parece ao meu ver, ser um moleque que simplesmente não quer saber o que é ainda.


Só te desejo algo que o faça ver a verdade (Y)


Inspirado pelo blog de  Jéssica Müehlbauer, uma excelente escritora ~ 

10 comentários:

Renato Sneijder disse...

pow boto fe acho q vc ta querendo transformar um menino em um homem rs

Stephane Many disse...

Acho que esse homem deveria assumir primeiro ser menino *-*
Obrigado por passar aqui meu bem ;*

Renato Sneijder disse...

cada um tem seu tempo uai
basta vc querer esperar ou nao :P

Stephane Many disse...

Acho que pra julgar os outros, não deve-se dever nada ;D

Sthefany Patricio e Thais medeiros disse...

Poxa, que texto lindo!
Homem é assim mesmo..
A maioria =s
Seguindo aqui ;)

makeborrado.blogspot.com

Um beijo,
;*

Stephane Many disse...

São todos assim.
Amei teu blog.
Beijoo e volte sempre ;]

Amigões disse...

' Do que lhe adianta a boa imagem se te falta caráter? '.

Acho que, não só essa frase, mas, ela é a que 'resume' esse texto todo. ^^ Da hora.
E aí, obrigado por seguir lá, estaremos seguindo aqui também. *:

Stephane Many disse...

Eita,
me senti muito mais compreendida quando até homens concordam comigo =D

Haha

Obrigado meninos ;*
beijoo

Jéssica Müehlbauer disse...

Hoje eu tirei a noite para ler seu blog, você escreve muito bem. Obrigada pelo elogio e que bom que você acha isso. De uma excelente escritora para uma escritora magnífica, essa carta ficou perfeita, como se pudesse conhecer o menino de quem você fala.

Stephane Many disse...

*_________________________*
nossa me sentii agora.
meu peito chega encheu de satisfação
Obrigada Jéssica *-*